Cooperativismo no trabalho e no estilo de vida

Existe um ditado bastante popular que diz que o trabalho dignifica o homem, a expressão visa destacar a importância que uma ocupação exerce na vida de alguém. O trabalho, mais do que uma fonte de renda, é também uma oportunidade para evoluir como pessoa. Integrante do maior sistema de cooperativas do país, o Sicoob Credija conta com um grande número de trabalhadores, que dia após dia se dedicam e buscam sempre evoluir para oferecer o melhor em suas funções.

Nesse time de colaboradores formado por mulheres e homens, a diversidade torna o ambiente ainda mais dinâmico, construtivo e capaz de proporcionar experiências que ultrapassam o horário de trabalho. A colaboradora Natália Reco de Nês, mais do que cooperar para a construção de um mundo cada vez mais justo e solidário trabalhando na Credija, também adotou a cooperação como estilo de vida.

Desde pequena, a moradora da comunidade de Linha São Pedro, em Jacinto Machado, cresceu rodeada de animais. Seja pelo gosto familiar ou o sentimento de carinho e respeito com os bichinhos, Natália é enfática ao dizer que “é impossível explicar como esse amor começou”, para a jovem, “nunca me faltou exemplos para tratar os animais com carinho e respeito”. A iniciativa está se tornando tão séria que até uma associação de proteção aos animais está sendo organizada por ela e algumas amigas. “Ter a oportunidade de ser voluntária é um privilégio, uma chance de me sentir renovada, é a oportunidade de fazer a diferença, não apenas na vida desses animais, mais também para nossa sociedade”.

O trabalho voluntário é abraçado e praticado por quem compartilha de um sentimento de inquietude ou inconformismo com algum tipo de situação. Por vezes, a vontade de contribuir para uma transformação social é um desejo tão forte que acaba se transformando no estilo de vida. No cooperativismo as coisas fluem dessa forma. Ser cooperativista é estar sempre atento aos desafios do mundo, sempre contando com o próximo.

Outro colaborador que adota a cooperação como estilo de vida é Gabriel Nerci Borges, de Maracajá. Com uma personalidade alegre e de sorriso fácil, o jovem integra o grupo Infusores da Alegria, que surgiu em 2013 e que tem como objetivo alegrar ambientes hospitalares e asilos através da caracterização e dinâmica teatral. “A minha equipe atua quinzenalmente nas quintas-feiras. Vamos nos blocos da pediatria, maternidade, cirúrgico e internação”, resume Gabriel, que convidou mais três colegas de trabalho para se juntarem a causa social e que hoje integram o grupo.

Para o presidente da cooperativa, Wolni José Walter, é gratificante saber que a família de colaboradores do Sicoob Credija é composta por esses e tantos outros talentos. “Cada um de nós conta com uma personalidade, uma vivência familiar e um estilo próprio de ser, no entanto, estamos todos sintonizados através do estilo cooperativista, contribuindo com a vida das pessoas dentro e fora do trabalho, isso tudo certamente soma nos resultados positivos que viemos alcançando”, destaca Wolni que aproveitou para parabenizar a todos da equipe. “Desejo a todos os colaboradores do Sicoob Credija um futuro profissional cada vez mais engajado na cooperação”, finaliza.

Compartilhe: